sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

A Viagem ainda não acabou!! A Ilha de Rangitoto...

Logo após a visita do museu, a chuva já estava passando e decidi visitar a ilha de Rangitoto! Esta é a vista do porto de Auckland... 
Até a ilha são 40 minutos de ferry...
A ilha de Rangitoto foi formada por um vulcão, já extinto à 600 anos, Rangitoto significa "céu sangrento" em maori...
Durante a travessia conheci o Basile, um francês ultra-maratonista, e planejamos correr pelos pontos mais importantes da ilha vulcânica numa grande volta. 
Nos caminhos vulcanicos corremos por quase 2h e meia!!
Num bom passo, mas sempre apreciando a natureza!! 
Várias vezes fomos forçados a parar para admirar as lindas vistas!!
Nos anos 20 a ilha também era uma base militar importânte...
Uma base militar graciosa!!
Durante o caminho, cruzamos por várias pessoas voltando da escalada...
A chuva parecia ter ido embora, e abençoado pelo sol nossa aventura ficou ainda melhor!!
Com certeza um dos melhores percursos que já corri!!!
Paramos em algumas cavernas vulcânicas, mas sem lanternas não podiamos explorar mais a fundo...
O caminho estava bem sinalizado, e ainda tinhamos mapas nas mãos, mas não podiamos controlar a vontade de correr pela ilha toda!! 
O resultado foi que pudemos passar apenas 5 minutos no topo pois o ultimo ferry sairia em 20 minutos, e não estavamos querendo saber o que acontecia com quem perdia o último ferry do dia!! rsrsrs
O mapa apontava que o caminhando o percurso seria de 1h45min do topo até o porto, e não tinhamos certeza se fariamos tal trajeto correndo em 20 minutos... Não podiamos perder tempo, então corremos, e corremos rááápido!! Descendo no caminho pedregoso, em algumas descidas acentuadas quase perdendo o controle das pernas, por 22 minutos...
Ufa!! O Ferry estava lá!!!
Pensava que ultra-maratonistas podiam correr pra sempre, mas não próximo de 3 minutos por km... O Basile é rápido!!!
No final, pensando na aventura épica onde corremos por 2h 30min para aproveitar apenas 5 min no cume... Lembrei dos dizeres de que "é na jornada que está a felicidade e não no destino.. 
E eu estava muuuuito feliz com todo aquele trabalho para chegar no topo do vulcão!! :-D
Não apenas com todo o trabalho para escalar até aquele topo, mas também aquele trabalho para chegar nos Jogos Olímpicos!! 
Graças a Deus eu continuo persistindo para chegar lá!! 

Obrigado Renata, Maire, Sergey and Amili pelos maravilhosos dias na Nova Zelândia!!

Aproveitando as menssagens de fim de ano, aproveito para desejar a todos os leitores um 2012 cheio de aventura, esportes, felicidade, amor, amigos e conquistas!!!
Happy New Year!!!

sábado, 17 de dezembro de 2011

Último dia - Museu de Auckland

Último café da mãnha na casa dos amigos, com a leitura obrigatória para quem morava na casa da Maire!! Tentando entender algumas novelas da vida!! hahaha
 O dia amanheceu com chuva, então não tive dúvidas para o próximo passeio: Museu de Auckland!!
 Muita cultura e símbolos Maroris...
Maoris são os índios ou aborígenes que habitavam a Nova Zelândia antes da chegada dos europeus.
 A palavra maori, na língua dos Maoris, significa a diferença entre os seres humanos mortais e os deuses...
 Tinha um índio loco lá também! rsrsrsrs
video
A Haka, dança Maori, era usada para mostrar o vigor dos homens, é muito famosa nos jogos de rugby, onde a seleção Neo Zelandesa apresenta uma performance para intimidar seus adversários...

Extraído do site Wikipédia achei a tradução da música Ka Mate, uma vertente da Haka:

"Ka Mate"
Líder:Ringa pakia!Coloquem as mãos contra as coxas!
Uma tiraha!Estufem o peito!
Turi whatia!Dobrem os joelhos!
Hope whai ake!Façam o mesmo com o quadril!
Waewae takahia kia kino!Batam os pés o mais forte que puderem!
Líder:Ka mate, ka mateÉ a morte, é a morte!
Time:Ka oraÉ a vida! (ou "Eu vivo!")
Líder:Ka mate, ka mateÉ a morte, é a morte!
Time:Ka oraÉ a vida!
Todos:Tēnei te tangata pūhuruhuruEste é o homem peludo...
Nāna i tiki mai whakawhiti te rā...Que fez com que o sol brilhasse novamente para mim
Upane...UpaneSuba a escada, suba a escada
Upane Kaupane"Suba até o topo
Whiti te rā,!O sol brilha!

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Dia 3...

O terceiro dia extra na Nova Zelândia foi o mais agitado!!! 
A Renata, o Sergey e a Marie tiraram um dia-off do trabalho e partimos para uma maratona de aventuras turísticas!!
Começamos na praia de Muriwai, água agitada no Mar da Tasmânia.
Observamos os Gannets, passáros que atingem 100km/h e mergulham mais de 30m para pescar!
Centenas de gannets!
O Visu é coisa de cinema!!!
O Mar da Tasmânia é marcado pela água agitada e fria, e pela areia negra.
Um mergulho na água fria, com campeonato de jacarés!!!
Então tomamos um belo café da mãnha e partimos pra Selva!!!
Uma aventura "assustadoooora!" com obstáculos em árvores com mais de 20m de altura...
Check de equipamento!
A tirolesa era o mais esperado!!! Wuhooo
12 diferentes percursos com vários níveis de dificuldade...
Sergey tomando um ar!!
Quase 90 minutos escalando cordas e dando caneladas nas madeiras! aaiiii!! rsrsrs
Da selva fomos dar uma descançada num Spa com várias piscinas... 
Rolou até competição de natação... nunca senti meus braços tão arrebentados!

Relaxados e recuperados, seguimos para uma seção de Bikram Yoga, da qual o Sergey não ia me deixar ir embora sem praticar!!
Que sorte que eu tinha uma sunga vestida embaixo da bermuda e logo no primeiro ásana tirei a camiseta e a bermuda. Estavamos numa sala a 40°C fazendo exercícios por 1h30min. Tá loco, quase morri!! 
Nunca vi tanta água sair do meu corpo, em alguns alongamentos quando abaixava a cabeça não conseguia contar os pingos de tanto suor. Em vários momentos parei por alguns segundos, mas resisti dentro daquela "sauna" a toda a seção!! Estiquei uma toalha para a prática e no final ela estava uns 5kg mais pesada!

Terminando o dia, depois de litros de água, ainda fomos nos descontrair num karaoke!! Acabei o dia sem pernas, abraços e nem voz pra gritar por socorro eu tinha!! rsrsrs

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Dia II, 2ª parte: Mount Manganui

Depois do Bungy, como contei na postagem anterior, fiz uma escala em Mount Maunganui...
Sem muito pra pensar, saí correndo morro acima!!
Cada minuto era digno de um disparo da máquina!!

Num bom passo, cheguei no topo em 12 minutos!!
Quer dizer no topo topo mesmo foi 12min e 23seg!! haheaheh
Muita cor e vida na NZD!!
Na descida todo santo ajuda!!
Paradinha pra foto!!
O oceano tava me chamando pro aquathlon!!
6min nadando sem neoprene, já tava bom demais pra água gelaaaada!!!
Não cabia tanta beleza nem nas panorâmicas...
Mais um descanço antes continuar viagem!!!

domingo, 4 de dezembro de 2011

Dia II, 1ª parte: Bungyyy!!

300km que passaram voando com as lindas paisagens da viagem!!
Meus amigos ainda não estavam de férias, então parti cedo e solo rumo ao famoso Bungy Jump de Taupo!! 
Chegando lá, nem tive tempo pra ficar com medo! 
Sem ninguém na fila, em 5 minutos já estava me preparando pro salto!! 
Tava tudo maravilha!! Feliz da vida na plataforma...
Hesitei por alguns segundos, e fui...
Meeeeu Deeeus!! Senti a morte de perto, desesperador!!
Não conseguia nem gritar, estava sufocado vendo o chão se aproximando tão rápido...
São três segundos que duram uma eternidade a quase 90km/h!!
Chegando na água foi um alívio, a entrada foi tão macia, e quando abri os olhos denovo já tava a uns 20m de altura!! Putz!! outro susto (khço)!! hehehe
Um pouco mais aliviado consegui gritar um "Uhuuu!!" e sentia que meu coração não cabia dentro do peito de tão forte que batia, hoje ele deve estar uns 2cm maior!! hahaha

Já no bote que foi me resgatar sentia um prazer indescritível, era como se tivesse nascido denovo, estava vivo, embora meio tonto e super ofegante!! rsrsrs

Subi até a plataforma correndo e rindo a toa, pensei "vou ter que pular denovo!". O segundo salto era metade do preço, e ter viajado 300km me fez pensar que deveria aproveitar o momento, até porque o segundo deveria ser mais fácil... (total engano!)

Comprei o ticket, que não tinha reembolso, cheguei na plataforma e me dei conta da cagada que tinha feito...
Ainda estava traumatizado daquela sensação da morte, demorei um pouco mais, mas não iria voltar atrás!! 

Dá uma olhada no primeiro grito de desespero...
video

Bom, vivo e operante segui viagem rumo a Mount Maunganui... 
Mais uma praia maravilhosa, onde escalei um morro com vistas sensacionais, que estarão num próximo e breve post!!