terça-feira, 5 de maio de 2015

Campeonato Panamericano de Triathlon em Monterrey, Mexico

A prova não estava nos meus planos, mas surgiu uma última oportunidade de tentar a vaga nos Jogos Panamericanos de Toronto 2015.

Não estava na melhor forma, e vinha de 3 "derrotas"... mas também, porque não tentar!? 

Se tivesse uma oportunidade, não deixaria barato e coragem não faltou! Com certeza estaria mais arrependido se tivesse ficado em casa, pensando nas possibilidades... 

A chance não veio, saí mal colocado da água e no ciclismo até recuperei bastante num grupo de mais ou menos 10 atletas que se formou. Ao sair para os 10km finais senti uma dor muito forte no tendão de aquiles já nos primeiros metros, talvez poderia ter engolido a dor e ter dado o sangue, mas correria um grande risco para o resto da temporada, pesando também o fato de estar começando a corrida à 3 minutos do líder, ou seja, um improvável grande resultado. Assim optei por abandonar a prova, joguei a toalha e deixei o ringue, segurando o choro e de cabeça erguida assumi o prejuízo da tentativa.

Agora já em LA me preparo para um bloco duro de treinos em preparação para as próximas, disputas!

Segue minha roda no twitter, facebook, youtube, instagram e fique por dentro dos quilômetros rodados! 

2 comentários:

Miler Felicio disse...

Mauro , sempre te acompanho e é uma pena seus últimos resultados, a pior derrota é aquela que não lutamos.Vc é um grande atleta.
estou usando o método de kinésio Tape e minhas dores de tendão e articulares melhoram dia a dia.

Blog: Long Distance na Bagagem disse...

Mauro, desistir nunca é fácil, mas é sábio. Melhor segurar as pontas agora do que deixar o orgulho tomar conta e se lesionar por meses. Siga em frente sempre.
Abraço