sexta-feira, 16 de janeiro de 2009

Como mochileiro não podia ser diferente!!

E a viagem não podia ser previsível!!
Primeiro um atraso de uma hora e meia para deixarmos Curitiba!! E depois com apenas 3 horas de viajem quebrou o Busão!!! Ainda bem que foi coisa rápida, em quase 1hora, depois de trocar a correia dentada já estávamos na pista!! E então seguimos até Guarapuava, onde jantamos e partimos até a fronteira. Esta foi a pior parte da viajem pois pela madrugada, temos que ficar na fila para carimbar o passaporte e passar as malas no raio-x, desta vez até que foi rápido, acho que não completamos 1 hora, mas mesmo assim é cansativo.


Além de vários amigos que fiz durante a viagem, na fronteira conheci Juan (Ruan) que me contou que sempre viajava pela noite, pois não revistavam as mochilas e como estudava agronomia gostava de trazer frutos, sementes e plantas brasileiras para plantar em Corrientes, sua cidade na Argentina, e disse que certa vez deixaram passar até um coqueiro de pouco mais de 1 metro, nem ele acreditou que iria conseguir! Rsrsrs Também contou que certa vez trouxe alguns peixes do Brasil, mas se arrependeu amargamente, pois de 4 em 4 horas tinha que trocar a água dos peixes e isto deu muito trabalho, 3 ou 4 peixes morreram e ele teve que jogar pela janela do busão. Além de que devido a atenção nos peixes esqueceu no ônibus sua mala que estava cheia de presentes e roupas novas, tendo um grande prejuízo.

Depois da fronteira, durante a noite, capotei!! Geralmente eu consigo dormir bem nas viajens, Mas caso o sono não venha sempre levo comigo alguns comprimidos de Dramin... A viajem estava para terminar e com aprox. 4 horas de atraso chegaria tarde em Santa Fé. Durante a viagem assisti, sem muita atenção, alguns filmes, mas quando assisti o filme ”A Lenda” não tirei o olho da telinha!! depois passou até o DVD do É o Tchan!! Putz..rsrsrsr Só os argentinos pra gostarem tanto assim! E quase sempre dava uma lida num livro que levei “ A Travessia do Albatroz” um livro semelhante ao Caçador de Pipas, onde é narrada uma história de amor, guerra e fuga, durante um severo regime político do Irã. Ahhh.. o serviço do ônibus não era tão bom quanto eu disse!! A comida não era tão farta e a propaganda que dizia que teria até champagne era só propaganda mesmo!!! Rsrsrs Mas, também não era ruim!! O café e a água a vontade era de verdade, como na outra viajem que fiz!!


Bom cheguei em Santa Fé as 10:30 e já com medo que não tivesse mais ônibus para La Paz me apressei...Por sorte o último ônibus saía as 22:30 e estava um pouco atrasado, assim consegui embarcar, o próximo era as 5:00!! Ufa!!
Conheci o Pedro, um garoto La Paceño (de La Paz), que como todos os La Paceños admiram “El triátlon”! e me deu uma mão pois este ônibus nos deixava na estrada ás 2:00 da madrugada, na entrada de La Paz. E ele foi ágil em chamar um taxi que nos deixou no centro de La Paz! Cheguei exatamente com 36 horas de viagem!! Direto a la cama!!!

2 comentários:

Pablo Bravo disse...

E aí Mauro indiada das boas, estas são as melhores. Boa sorte no domingo, grande Abraço

veronica martins disse...

Maurinhoooooooo
kct pedalouuu mto!
só escutava na rádio...cvanha do Brasil..pelote 3, pelote 2,peloteeeee número 1!!!!!!!!!!!!!
é isso aí qdo encaixar não vai ter pra ngm!
bjos